terça-feira, 21 de novembro de 2017

Escolhido do Temer e Rodrigo Maia: Futuro ministro recebeu 450 000 reais da família de bicheiro

O escolhido (divulgação/Divulgação)

Dinheiro saiu da empresa que pertence ao irmão da Carlinhos Cachoeira para a campanha do 'menino de ouro'


Escolhido por Michel Temer para assumir o Ministério das Cidades, o deputado Alexandre Baldy terá dificuldades para se dissociar de um dos mais famosos contraventores do país, Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira. Desde 2012, quando uma CPI investigou o bicheiro, a relação entre os dois é pública, notória e constrangedora. Cachoeira derretia-se ao se referir ao agora futuro ministro como “menino de ouro”. Mas a prestação de contas da disputa eleitoral de 2014 revela mais: a família Almeida Ramos ajudou a financiar o plano de poder do pupilo. A empresa JC Distribuidora de Medicamentos, que pertence a Sebastião de Almeida Ramos Filho, irmão de Carlinhos Cachoeira, doou 450 000 reais à campanha de Baldy naquele ano. A JC é velha conhecida das autoridades. Em 2012, segundo “O Globo”, a empresa foi investigada pela Receita por movimentações atípicas, 66,8 milhões de reais em dois anos. A tomar pelo montante que passa pelo caixa da distribuidora, um agrado de 450 000 reais a um amigo que pode valer ouro, não há de ser nada. Por Gabriel Mascarenhas/Veja

Cobrança da CIP em Queimadas: Moradora publicou que foi intimada a depor, por ter criticado a cobrança nas redes sociais

Foto reprodução/Facebook

Mais um episodio lamentável sobre a CIP - seria censura ou o quê?


Mais um fato inusitado, mas, talvez não tão surpreendente, aconteceu em mais um capítulo da luta do povo para correção da CIP em Queimadas. Desse vez, algo que talvez seja até o acontecido mais grave que já vimos até aqui nesse assunto, pois se trata de censura e tantas outras coisas, que nem vamos explicitar aqui, que fique para o povo interpretar como queira, o que este ocorrido, realmente apresenta. 

Uma moradora de Queimadas, relata que foi intimada a prestar depoimento, porque (segundo ela) a mesma teria reclamado da cobrança da CIP. Não sei se foi uma tentativa da administração de amedrontar os críticos da cobrança da CIP ou se tem alguns outros motivos envolvidos. Só sei que o ato, gerou ainda mais protestos na redes sociais e apoio de diversos internautas a citada intimada. Na verdade, seria muito mais simples, o prefeito tentar explicar, debater e ter paciência com o povo, afinal, ele é gestou de toda uma população e que está nesses anos de seu mandato regendo os destinos de um município inteiro, o que acarreta na necessidade de diálogo, participação, prudência, paciência e comunicação bem clara. Vejam abaixo o desabafo dessa senhora e esperemos o andar da carruagem, pois o ano está findando e o que vemos é o silêncio dos vereadores na câmara:







segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Violência na Bahia: Plantão de notícias! Policia registra duplo homicídio na cidade de Saúde


Crimes bárbaros todos os dias no estado


Segundo informação duas pessoas teriam sido mortas na madrugada dessa segunda-feira(19), na localidade de corta Munheca, saída para Caldeirão Grande às margens da BA 375, ainda segundo a informação, entre os mortos uma adolescente de 14 anos. Ás outras duas teriam sido socorridas para Hospital de Salvador devido a gravidade dos ferimentos.Segundo informações da delegacia , as vítimas estavam em um bar do município quando os elementos passaram em um veículo e pegaram todos de surpresa, efetuando vários tiros contra os quatro, que não tiveram chances de defesa. O caso passa a ser investigado epa Delegada Drª Ana Angelica. fonte:Andre Araujo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha lista de blogs

Google+ Followers